Aquele Poema





Arranca-me lágrimas
Aquele poema de Cecília...
"Cabecinha boa de menino triste..."

Enquanto isso, tu passas ligeiro
Numa folha soprada pelo vento,
Pousas nas patas de um passarinho,
Chegas no ruído da chuva
E no brilho do sol.

Sigo tua imagem, que nunca é bem clara,
Ouço tua voz na brisa das coisas...




Comentários

Postar um comentário

Obrigada pela sua presença! Por favor, gostaria de ver seu comentário.

Postagens mais visitadas deste blog

Doce de Abóbora

Sentidos

VIDA