quinta-feira, 14 de junho de 2012

Liberdade



Mais vale um colibri voando
Que um na mão...

Ele entrou em minha casa, há alguns anos. A foto é antiga, e encontrei-a  ao vasculhar meus arquivos.

Fotografei e soltei, após vê-lo debatendo-se na minha vidraça.

3 comentários:

  1. Olá!Boa tarde!
    ...belo gesto seu...
    como a sua imagem já diz tudo...
    eu vou me "divagar e dar meus pitacos" sobre liberdade, rsrs:
    eu penso que os animais irracionais não são livres, somente fazem o que precisa, pelo instinto de sobrevivência para que continue existindo...
    em relação aos seres racionais,penso que a liberdade não é dada, mas resulta de um projeto de ação. É uma tarefa cujos desafios nem sempre são suportados , daí resultando os riscos de perda de liberdade pelo homem que se acomoda não lutando para obtê-la.

    "Liberdade, essa palavra
    Que o sonho humano alimenta
    Que não há ninguém que explique
    E ninguém que não entenda"
    Cecília Meireles"
    Obrigado pelo carinho da visita!
    Boa quinta
    Beijos

    ResponderExcluir
  2. Olá!!! Bom Dia, Ana!!! Parabéns pelo texto e parabéns pelo gesto. Certamente, o ser humano geralmente desperdiça mais tempo tentando prender, prendendo, oprimindo, etc que pensando que a liberdade é mais que uma palavra. Começa nas atitudes que demonstram deixar ser livre - a parttir de não se deixar acorrentar a si poróprio com atitudes que3 tiram a liberdade de outros ou querendo que achar que entende o que seria melhor pra outros (as).

    ResponderExcluir

Obrigada pela sua presença! Por favor, gostaria de ver seu comentário.

AMANHECEU

Amanheceu novamente Sobre as igrejas e telhados dos que ainda dormem E dos que jamais despertarão. Amanheceu sobre as p...