quarta-feira, 10 de abril de 2013

Invencionice




Ah, pra que tanto
Disse-me-disse?
Abaixo a invencionice!
Essa coisa pegajosa,
De carne esponjosa,
Pura canalhice!
Mentes inquietas,
Farejam retretas,
Apontam as flechas,
Atiram as pedras...

Chafurdam no lago
Formando ondas sujas,
Levantam a lama
Que dorme no fundo,
Depois se aborrecem
Se o monstro desperta!

Ah, me diga pra quê
Essa língua vermelha,
Tão grande e inchada
Que nem sequer cabe
Na boca fechada?
A vida é bem curta...
E logo, ela passa!
-Tenha mais ciência!
As invencionices
E as muitas sandices
É o que levarás
Como experiência!




Nenhum comentário:

Postar um comentário

Obrigada pela sua presença! Por favor, gostaria de ver seu comentário.

Até um Dia!

Olá, pessoal! Por motivos pessoais, estarei fora da rede durante alguns dias. Volto em breve! Abraços! ...