quarta-feira, 2 de maio de 2012

Blog é assim mesmo...



Tenho recebido emails de pessoas que me visitam aqui no blog, reclamando de não estarem conseguindo postar comentários. Bem, eu não sei o que acontece, e nem como modificar esta situação. Ainda estou tateando o caminho, e acho que nunca vou evoluir muito além de onde já estou, quando se trata de internet. A única coisa que eu posso dizer é a seguinte: se você deseja comentar um texto meu e não consegue postar o comentário, mande-o para o meu email, e eu o colocarei sob o texto que você deseja comentar, com o seu nome.

Algumas pessoas abrem uma conta no Google, e depois disto, passam a conseguir postar. É rápido, fácil e gratuito. E quem sabe, você não se anime e faça um blog também? É gostoso!

Outra solução que talvez funcione: volte mais tarde... às vezes, quando as coisas 'travam' para mim, eu simplesmente saio e volto a logar em alguns minutos, e tudo dá certo.

Se nada do que sugeri der certo, bem, mesmo assim, espero que vocês não deixem de me visitar por isso... e agradeço muito porque vocês me visitam.

3 comentários:

  1. Acabei de "tentar" postar um cometário sobre o tema envelhecer, não consegui enviar, e agora acessei seu blogue,consegui. Vamos ver se prossegue em seu caminho,Sobre
    liberdade de expressão já escrevi algumas monografias e trabalhos publicados, liberdade, bem maior que a vida. Abr. Celso

    ResponderExcluir
  2. então..... acontece muitas coisas nesse caminho (blogueador).... eu fico em falta com muitos textos que depois tento ir descobrindo para ler.. mas deixar de vir isso (nunca) onde a gt ve borboletas diversas pousasdas em dedo... ?? esse teu canto é meio selva e meio santo ...todos os aplausos serão sempre poucos.... bjo menina .... !! olguinha

    ResponderExcluir
  3. Eu resolvi rapidinho, criei uma conta no gmail, e pronto, cá estou porque não dá pra vir e ficar sem compartilhar. Tomara que todos consigam de algum modo aqui estar. Obrigada por nos permitir entrar Ana.

    ResponderExcluir

Obrigada pela sua presença! Por favor, gostaria de ver seu comentário.

AMANHECEU

Amanheceu novamente Sobre as igrejas e telhados dos que ainda dormem E dos que jamais despertarão. Amanheceu sobre as p...