sexta-feira, 11 de maio de 2012

Ferida



Faltam pedaços, faltam bordas
Mas no Todo estou contida
Rosa efêmera, ferida,
Mas cheia de vida.

Às vezes solta-se
Mais uma pétala,
E cai ao chão, rendida...

Outra brota, consistente,
Da fonte da vida.




4 comentários:

  1. Hoje brotam mais espinhos que pétalas, esses demoram pra cair. É a vida Ana, cheia de coisas lindas e outras horríveis.

    ResponderExcluir
  2. Vou te dar um selo: ESTE BLOG ATRAPALHA MINHA CARREIRA ACADÊMICA!!!! Showwwww!!!!

    ResponderExcluir

Obrigada pela sua presença! Por favor, gostaria de ver seu comentário.

VOLTANDO...

Veneza Olá, pessoal! Estive fora por uns dias, realizando um grande e muito antigo sonho: conhecer a Itália! Foi uma experi...