sexta-feira, 24 de agosto de 2012

Cuidado com o que Você Pede...






Cuidado com o que você pede...


Tem gente que acha que não devemos pedir nada ao orarmos, pois Deus sabe de antemão e muito melhor do que nós mesmos, daquilo que precisamos. Tá bom; concordo até certo ponto. Mas não foi Cristo quem disse que tudo aquilo que fosse pedido em Seu nome, seria atendido?

Bem, eu acho que Ele falou sério. Por isso, sempre peço, tanto por mim quanto pela saúde de meus entes queridos (e nem-tão queridos assim...). E acreditem ou não, quando peço por mim mesma, quase sempre sou atendida. Talvez isso nem sempre aconteça quando peço por alguém, porque a pessoa pode não querer para si a mesma coisa que eu. Eu costumava pedir coisas para os outros, e os resultados eram quase sempre desastrosos, pois eu pedia coisas sem levar em consideração a vontade alheia; então, parei com isso. Hoje, peço apenas saúde e paz e prosperidade para todo mundo. 

Mas como eu ia dizendo, eu quase sempre tenho sido atendida em minhas orações. Ou melhor, até hoje. Nem sempre no momento em que desejo, ou da maneira que desejo, mas quando olho para trás, seja o resultado bom ou desastroso, sempre chego à conclusão de que obtive exatamente aquilo que pedi. 

Isso seria muito bom, se eu fosse esperta o suficiente para, algumas vezes, não pedir coisas estúpidas. 

Por exemplo: um dia, cansada de fazer minha faxina, comentei com meu marido: "Há quanto tempo ninguém faz nada para mim... gostaria que alguém servisse meu jantar, lavasse minhas roupas..." Meses depois, caí doente, e tive que contar com a ajuda de outras pessoas para servir-me o jantar, lavar minhas roupas... 

Numa outra ocasião, eu queria tanto uma determinada coisa, que esqueci de pensar se aquilo seria bom para mim. Lutei, bati o pé, e apesar de tudo estar me conduzindo a um outro caminho, não sosseguei enquanto não consegui o que queria. Foi o maior desastre de minha vida! Perdi tempo, dinheiro, paz de espírito e não obtive nada em troca, a não ser uma grande dose de frustração e aborrecimentos! 

Mas sempre é diferente quando eu peço com fervor e deixo que a vida me guie até aonde eu quero. Nessas ocasiões, pode levar tempo, anos até, e nem sempre acontece exatamente da forma que eu queria, mas quase sempre acontece, e de forma bem melhor... 

Acredito que o pensamento tem força, e mexe com as energias à nossa volta. Quando desejamos algo ardentemente, e fazemos um movimento para obter o que queremos (desde que isso não vá ferir ou prejudicar outra pessoa), o universo se mobiliza para nos trazer aquilo que queremos. Não é muito fácil alinhar nossos desejos de acordo com aquilo que merecemos, mas quando conseguimos fazer isso, parece que os caminhos se abrem. De nada adianta pedir para ser alguma coisa que não tem nada a ver com meu caminho aqui nesta terra. Isso seria estúpido e pretensioso. Tenho que conhecer bem a mim mesma, alinhando meus desejos com o que o universo espera de mim. Não é como ter talento para música e querer ser artesão. Posso até conseguir, mas serei um artesão medíocre. 

As pessoas gostam de usar a palavra "luta" para definir a vida. Tenho até calafrios quando escuto uma coisa dessas, pois se eu acredito que vim aqui para lutar e sofrer, minha vida será exatamente assim. Prefiro associar à vida a palavra "fluir". A vida é um fluxo, quando não entupimos o caminho com nossas idéias absurdas. 

Também de nada adianta pedir as coisas em oração e achar, ao mesmo tempo, que não as merecemos, ou que o Reino dos Céus só pertence aos pobres. Dessa maneira, estarei fazendo dois pedidos controversos, e as forças opostas da minha oração anularão a si mesmas. Por exemplo; conversando com uma pessoa que sofre dores horríveis devido a uma doença crônica, mas que é portadora de grande fé em Deus, perguntei-lhe se ela pedia, em suas orações, para livrar-se da dor. Ela imediatamente respondeu-me que não, pois achando-se merecedora de suas dores, apenas era digna de pedir a Deus que a ajudasse a suportá-las. Ou seja, ela obtém exatamente aquilo que vem pedindo. 

Precisamos, sempre, prestar atenção, tanto às nossas palavras quanto aos nossos pensamentos. Um anjo mensageiro pode estar passando bem ali, naquela hora em que estamos pensando... 




5 comentários:

  1. Minha tia também gosta de dizer: 'Não diz besteira, menina, vai que um anjo diz amém...' Coisas da vida, mistérios! Um abraço fraterno, inté!

    ResponderExcluir
  2. Boa noite amiga Ana!Obrigada pela visita. Passei para desejar uma noite tranqüila, lindos sonhos e um final de semana na paz de Deus. Sucesso na tua vida e no teu blog. Deixo esse pensamento do Padre Fábio de Melo, que entre tantos, o adimiro como um grande pensador.
    “ Hoje, neste tempo que é seu, o futuro está sendo plantado. As escolhas que você procura, os amigos que você cultiva, as leituras que você faz, os valores que você abraça, os amores que você ama, tudo será determinante para a colheita futura”
    Abraçosssss

    ResponderExcluir
  3. Bom dia Ana! Adorei o texto. Este assunto tem muitas variáveis; tem o que sentimos o que sabemos e mistério do desconhecimento.
    Concordo, não podemos pedir errado; temos que saber pedir certo para que não desfaleça o animo.
    Realmente! Nossas petições consistem alcançar e realizar o plano do nosso dia a dia. Pois, não podemos nos distrair com a nossa origem, ou deixar que as pedras clamem por nós, e nem podemos anular a necessidade de conversarmos com Deus! Só assim a vida flui corretamente… tanto num plano terreno, que é uma subsequência para outra história futura (após morte.)

    ResponderExcluir
  4. Gostei Ana de suas reflexões neste as vezes desesperada pedir ao Deus.O que desejamos e merecemos por certo virá de nossa fé e determinação que faz fluir com mais intensidade.
    Abraços amiga.

    ResponderExcluir
  5. Quem sabe vc não é esse anjo que passando agora por mim trouxe-me reflexões?

    Que belo texto. É quase uma oração.

    Adorei! Vou pedir mais por mim...

    Bjs

    Escritora Silvia Trevisani

    ResponderExcluir

Obrigada pela sua presença! Por favor, gostaria de ver seu comentário.

Mandrágora

Teu Nome – raiz de mandrágora Perpassando o meu caminho, Me fazendo tropeçar... Um dragão adormecido Em isolada cave...