sábado, 28 de julho de 2012

Transformação






TRANSFORMAÇÃO

Aquele velho sorriso
Que eu tinha, já se foi,
Cortadinho em mil pedaços,
Amortalhou-se.

Mas ficou um outro riso
(Talvez não tão franco ou bonito)
Mas ficou, e se transforma
A cada dia, lentamente,
Em algo um pouco melhor.

Morre um riso, nasce outro,
Porque sorrir é preciso.

3 comentários:

  1. Ana, vejo um pouco de Drummond e Quintana em tuas linhas. Os dois, contemplavam tempos e passagens na transformação humana.

    Poema (como sempre) - CERTEIRO!

    bom findi!
    bacios

    ResponderExcluir
  2. Olá Ana, e que tudo esteja bem contigo!

    Um sorriso ofertado com a natural e suave bondade humana pode transformar muitas situações, sendo assim concordo com este teu escrito, pois uma face com um sorriso estampa a felicidade do momento vivido. É como necessitamos viver, é preciso sorrir, e viver feliz!

    Ótimos escritos por cá sempre, e a imagem traduz bem a ideia de transformação e melhora, parabéns pelo pensamento escrito, com muita sensibilidade!


    grato pela amizade e visitas eu deixo meu desejo que você e todos tenham um viver intenso e feliz, abraços e até mais!

    ResponderExcluir
  3. Boa tarde, Ana. Concordo que o sorriso tenha de existir seja de que modo for, timidamente ou escancarado. Enfim, aos poucos perdemos o que tínhamos de melhor, choramos, nos lamentamos, sofremos e por aí vai.
    Enquanto o ciclo não fecha, a dor continuará, mas as transformações ocorrerão certa hora, na realidade, acontece antes mesmo de serem mostradas a olho nu.
    Beijos na alma!

    ResponderExcluir

Obrigada pela sua presença! Por favor, gostaria de ver seu comentário.

Até um Dia!

Olá, pessoal! Por motivos pessoais, estarei fora da rede durante alguns dias. Volto em breve! Abraços! ...