segunda-feira, 9 de julho de 2012

Cuidado!!!





Cuidado, não mordas a língua,
O veneno liberado
Pode ser tua desgraça...

Esse amor que me  inventaste
Para driblar o teu tédio,
Envergonha a tua face!

Vê se acorda para a vida,
Vê se encontra alguma coisa
Que te dê satisfação!

Essa língua tão ferina,
E a palavra proferida
São sinais de mau amor!

Quem espalha vil dizeres,
Condenado, está, de fato
A ser pego no vil ato!

Gente ruim não morre nunca,
Cria chifre, cria rabo,
E se perde pelo mato!

Nenhum comentário:

Postar um comentário

Obrigada pela sua presença! Por favor, gostaria de ver seu comentário.

Não Tenho Mais Nada Contigo

Estou escrevendo estas linhas  Só para deixar bem claro: Não tenho mais nada contigo. Teu rosto não faz mais figura...