sábado, 15 de setembro de 2012

Não é Nada!...



Essa nuvem nos olhos
Não é nada!...
Vem da chuva fininha,
Vem da tarde nublada...

Esperanças caíram
Na calçada.

Não é nada, esse medo
Que por hora me abraça!
Talvez seja, em segredo,
Uma dor que não passa...

Mas não há de ser nada,
Pois a noite se alonga,
E os fantasmas e as sombras
Amanhecem...

Depois, me esquecem.
Por isso,
Não é nada.

4 comentários:

  1. Olá!Bom dia!
    Ana!
    Tudo bem por aqui?
    não é nada...me lembrou uma frase de psicologia"Cada um apregoa aquilo em que mais precisa [desesperadamente] de acreditar..."
    Obrigado pelo carinho dedicado ao meu blog!
    Bom domingo!Paz e luz infinitas!
    Beijos

    ResponderExcluir
  2. Não foi nada, mas estas palavras foram muito! Muito belo!

    ResponderExcluir
  3. Lindo, Lindo Ana ...!!! amo o seu versar ...sempre lindo tudo por aqui ... abçs

    ResponderExcluir

Obrigada pela sua presença! Por favor, gostaria de ver seu comentário.

AH, OS ITALIANOS! - Parte I

Eu em Veneza - Gondoleiro! Durante nossa curta estadia na Itália, não ficamos em hotel. Alugamos um pequeno apart...