segunda-feira, 14 de outubro de 2013

Patativa do Assaré







Patativa do Assaré - frases e poemas
Para quem acha que escrever bonito é saber gramática








"Eu sou de uma terra que o povo padece
Mas não esmorece e procura vencer.
Da terra querida, que a linda cabocla
De riso na boca zomba no sofrer
Não nego meu sangue, não nego meu nome
Olho para a fome, pergunto o que há?
Eu sou brasileiro, filho do Nordeste,
Sou cabra da Peste, sou do Ceará."




"Meus versos é como semente
Que nasce arriba do chão;
Não tenho estudo nem arte,
A minha rima faz parte 
Das obras da criação."




"Saudade dentro do peito
É qual fogo de monturo
Por fora tudo perfeito,
Por dentro fazendo furo.

Há dor que mata a pessoa
Sem dó e sem piedade,
Porém não há dor que doa
Como a dor de uma saudade.

Saudade é um aperreio
Pra quem na vida gozou,
É um grande saco cheio
Daquilo que já passou.

Saudade é canto magoado
No coração de quem sente
É como a voz do passado
Ecoando no presente"








"Eu aprendi mesmo foi com os passarinhos."










Nascimento: 5 de Março de 1909

Biografia: Antônio Gonçalves da Silva, mais conhecido como Patativa do Assaré, foi um poeta popular, compositor, cantor e improvisador brasileiro.



10 comentários:

  1. Olá,
    O que escreveu é a maior das verdade que raramente são ditas, escrever ou pensar que escreve bem é aquele que escreve simples para uma fácil interpretação.

    Abraço

    ag

    ResponderExcluir
  2. O sentimento corre solto e leve. Basta ler para entender. Bjs.

    ResponderExcluir
  3. gostei.
    fotos muito belas também.
    não conhecia o Poeta.
    um beijo

    :)

    ResponderExcluir
  4. Gostei muito da poema, e o palavreado do velhinho
    que sábias palavras.

    bjs

    http://eueminhasplantinhas.blogspot.com/

    ResponderExcluir
  5. Olá Ana,

    Bela postagem!
    Amei conhecer estes versos dele. Quem sabe , sabe, e encanta através da simplicidade.
    Os pássaros que ilustram a postagem são lindos. O de olho grandão é esquisitinho-rsrs.

    Beijo.

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. O esquisito é o Uratau, ou "Pássaro Fantasma" - conhecido por este nome porque passa a maior parte do dia 'disfarçado' de tronco de árvore. Ele tem hábitos noturnos, e é muito comum em regiões muito quentes. Charmoso, ele, né, Vera? rsrsrs...

      Excluir
  6. Preciosa lembrança desse maravilhoso escritor! Suas poesias são como o canto dos passarinhos! Linda homenagem,Ana! Bjs e boa semana pra vc,

    ResponderExcluir
  7. Olá, querida Ana
    Vim por dois motivos:
    Ao ler o post fiquei atenta ao conteúdo e me enriqueci muito: me esforço bastante para escrever certo as coisas certas... às vezes consigo, outras, não...

    Meu blog de Maria do qual cvc é seguidora faz 2 anos e vou comemorar pedindo aos amigos dele que me enviem uma qualidade da sua mãe (viva ou falecida)...
    Vc deve gostar da homenagem a ela e ao seu blog...

    http://www.espiritual-maria.com.br/

    Muito obrigada pela participação, desde já...
    Bjm de paz e bem


    ResponderExcluir
  8. Patativa do Assaré é o grande poeta popular da atualidade brasileira, um marco cultural do povo brasileiro....

    ResponderExcluir

Obrigada pela sua presença! Por favor, gostaria de ver seu comentário.

SÓ QUERO TER O DIREITO DE DIZER O QUE EU QUISER.

  Porque palavra calada É uma vida sufocada, Eu quero ter o direito De dizer o que eu quiser. Caso eu esteja certa,  Ou mesmo estando errada...