segunda-feira, 9 de setembro de 2013

Não me calo!




Não me calo!
Entra nos ouvidos o meu canto,
Circula pelos ares
Desce com a chuva pelos ralos!

É raro o momento,
raro,
Em que a palavra falta
Ao dom da pena!

Não me calo!
Seja por revolta
Ou por contemplação serena...
Aquilo que me chega à garganta
Eu não engulo,
Não mato!

Não me calo!
Canto com a voz desafinada
E inadequada, que a mim
Por Deus foi dada!

E enquanto circular o sangue
Pelas minhas veias fracas,
Às vezes, derramado
Em hemorragias verborrágicas,
Desistas!

Porque eu não me calo,
E não hei de calar-me!



11 comentários:

  1. Realmente há fatos que não podemos mesmo calar!! Lindo! beijos,tudo de bom,chica

    ResponderExcluir
  2. Que força nas palavras ! Que bom que vc. não cala, é alma guerreira. Bj.

    ResponderExcluir
  3. Que palavras fortes e objetivas, muito bom ter essa alma guerreira! Bjs

    ResponderExcluir
  4. Liberdade é importante, por isso só você e que deve decidir....
    Beijos.

    ResponderExcluir
  5. Amei os versos, bem assim, não se deve calar, acredito que eu também nunca me calei!!!
    Abraços amiga que tem a alma de quem sabe bem o que quer!

    ResponderExcluir
  6. Calar sempre é ruim, os sentimentos dentro da gente
    tomam proporções muito grandes e catastróficas.

    bjs

    http://eueminhasplantinhas.blogspot.com.br/

    ResponderExcluir
  7. Olá!Boa noite
    Ana
    ...Sabendo que os efeitos das palavras são tão decisivos quanto os do silêncio em um processo é necessário que tenhamos competência para saber fazer uso do falar e do calar.
    Porém, não me calo,também, pois penso que o silêncio não é a solução para tudo, ele pode ser salvador, preservador, mas pode ser um muro de proteção para a covardia, a omissão e o desprezo...
    Agradeço pelo carinho no meu blog e no Recanto da Anne.Obrigado!
    Bela semana
    Beijos

    ResponderExcluir
  8. Boa noite Ana ,eu também sou assim!Eu não me calo! Lindo amei!!
    Aproveitando para agradecer a sua visita beijinhos.

    ResponderExcluir
  9. É muito importante não ser passiva.
    Portanto não calar faz falta.
    Bj.
    Irene Alves

    ResponderExcluir
  10. Ana, lindos versos. Muito importante não calar, dizer o que pensa. Num mundo de hipocrisia, difícil encontrar alguém verdadeiro.

    ResponderExcluir
  11. A voz e o dom da voz,dizer e ser sem se calar quando deve ainda mais afirmar.
    Não ser este instante que fracassa pela falta da determinação.
    Inspirada em reflexão.
    Isto é lindo Ana.

    ResponderExcluir

Obrigada pela sua presença! Por favor, gostaria de ver seu comentário.

REFLEXÃO

Já muito andei sem enxergar, sem ver, O que me fez e me desfez, a fome... "Ana" é o nome que alguém me deu, M...