segunda-feira, 26 de novembro de 2012

Choveu Muito!






Choveu muito, e por muito tempo
Como se o mundo chorasse todas as suas dores!
Enxurradas caudalosas formaram-se,
E correram como rios pelas calçadas,
Formando poças profundas de água (ou de lágrimas?)

Choveu muito, e tão intensamente,
Que as gotas faziam vibrar as vidraças!
E sobre o telhado, um tamborilar fremente,
Na grama encharcada, um pedaço de ninho...

Choveu muito, choveu a vida inteira,
Choveu bem intensa e pesadamente...
A mim, só restou ficar bem abrigada,
E aguardar que a chuva parasse de chorar, 
Pacientemente...

7 comentários:

  1. Bom dia minha querida !!!!!!!!!!!!!!!!
    Diante dos versos escritos vejo a grandeza do Pai ...
    bjssssssssssssss

    ResponderExcluir
  2. Uma abordagem interessante, parece brotar da alma...

    ResponderExcluir
  3. E por acaso, esse fim de semana choveu MESMO.

    Se é o choro do mundo, pelo menos quando passa, o mundo tem a alma lavada...

    bjos

    ResponderExcluir
  4. Tantos sentidos em torno do sentido. Sempre muito bom ler-te, Ana. Bjs

    ResponderExcluir
  5. Olá!
    Ana!
    Lindo demais!Parabéns!
    ...é tão bom quando aos poucos as densas nuvens escuras que cobriam o céu estão se dissipando. E os dias chuvosos não são mais a rotina de quem espera.Aos dias de chuva, as escolhas: um bom guarda-chuva, o atrevimento de banhar-se em suas águas ou a espera pacientemente...
    Obrigado!
    Ótima semana!
    Beijos
    ClicAki Blog(IN)FELIZ

    ResponderExcluir
  6. A chuva parar de chorar??? Isso é muito lindo!!!!!!!!

    Adorei!

    bjsMeus
    Catia

    ResponderExcluir
  7. Belo texto!!! Parece que eu conseguia ver a chuva. Enquanto lia, parecia que eu estava lá.

    ResponderExcluir

Obrigada pela sua presença! Por favor, gostaria de ver seu comentário.

Até um Dia!

Olá, pessoal! Por motivos pessoais, estarei fora da rede durante alguns dias. Volto em breve! Abraços! ...