segunda-feira, 8 de outubro de 2012

Cores Vivas






C o r e s   V i v a s



Vem ver o sol,
Olha o vermelho da flor,
Desprenda-se deste lençol
Onde não existe amor...

Há um mundo tão grande
Que deseja te encontrar,
Há um sonho preparado
Pra você realizar!

Vem ver o sol,
Vem pra fora,
Vem viver,
Vem sonhar!

Ah, ponha no rosto um sorriso,
Pense nos anos de vida
Que se estendem à tua frente,
Para que tu sejas gente,
Para que faças escolhas,
Para que sejas melhor!...

Deixa pra trás a tristeza,
Vem ver o sol,
Tenha a coragem, a certeza
De que a verdade 
É um brinde à vida,
Ao caminho certo,
E que a mentira, é um trago
De cachaça ruim
Em uma viela suja...

Vem para fora,
Vem ver o sol,
Vem aprender
A ser você!

4 comentários:

  1. Há tanto de lindo pra ver, nas cores e na vida!!Lindo! beijos,chica

    ResponderExcluir
  2. Um ótimo poema! O sol é astro que fecunda a vida em nosso planeta. Sem ele, tudo seria escuridão... Parabéns poetisa!

    ResponderExcluir
  3. Que os olhos saibam ver o que de belo esta para ser visto.
    Otima inspiração Ana.
    Linda semana amiga.
    Abraços.

    ResponderExcluir
  4. Ana, esse chamado para ver o sol, na prática, derruba qualquer mal humorado. Fiz várias vezes essa experiência e sempre deu certo. Ninguém olha o Sol com um bico de mimadão!

    ResponderExcluir

Obrigada pela sua presença! Por favor, gostaria de ver seu comentário.

Não Tenho Mais Nada Contigo

Estou escrevendo estas linhas  Só para deixar bem claro: Não tenho mais nada contigo. Teu rosto não faz mais figura...