quarta-feira, 30 de julho de 2014

Ela Estava Ali






Ela Estava ali,
No vácuo morno
Daquele momento,
E um por-de-sol vermelho
Escorria, lento,
Pelas primeiras rugas de sua testa.

Cenho franzido,
Ela observava 
E absorvia.

Ela estava ali...
Mas e depois,
Para onde ela foi,
Onde ela estava?...

Uma outra flor se abriu,
E um outro sol se pôs
Para outros olhos
Que ali chegaram.



12 comentários:

  1. É a transformação da vida, os ciclos que vem e vão...profunda e bela poesia,Ana! bjs,

    ResponderExcluir
  2. Que lindo isso, embora nos dê uma certa nostalgia saber que a vida em todos os sentidos é assim, amei a linda inspiração, minhas lindas orquídeas já estão começando a murchar e cair, aos poucos só as folhas ficarão para uma nova florada no ano que vem, já estou sentindo a falta do belo colorido!
    Aqui sempre mudando também amei o novo visual, lindo demais!
    Abraços minha doce amiga Ana!

    ResponderExcluir
  3. A vida é assim, sempre com seus ciclos que passam e muitas vezes nos deixando a saudade...
    Bela poesia.
    Beijos, Élys.

    ResponderExcluir
  4. Ana Bailune

    Ela estava ali, decerto em estado de letargia, estaria por estar. E assim parece ter sumido.
    Boa proposta literária,
    Beijos

    ResponderExcluir
  5. Ai ai, Ana... Seus poemas - Um misto de candura, pintura e sonho!
    Lindo, lindo... Eu li em voz alta e senti a musicalidade, a cadência tranquila que desce pelos versos.

    Faz tão bem te ler, amiga!
    bacios

    ResponderExcluir
  6. Ela estava ali,
    plácida, e, formosa
    esperando a abelha
    para colher-lhe o néctar.
    Ela estava ali
    esperando a mão
    sedenta de afeto.
    Ela estava ali
    frágil e melindrosa
    para suavizar o coração
    dos malditos
    Ela estava ali
    para amenizar
    a dor dos desesperados.
    Ela estava ali
    para adoçar
    o beijo dos enamorados...
    Amiga Ana, tenhas um lindo fim de semana.

    ResponderExcluir
  7. Vida e seus ciclos.Percebe quem tem a sensibilidade! bjs,chica

    ResponderExcluir
  8. Que magia neste poema! Um misto de tristeza pelo que se foi! Ficou maravilhoso,Ana! bjs,

    ResponderExcluir
  9. Ainda bem que os dias, as flores e os momentos, renascem!
    Tenha um belo final de semana!

    ResponderExcluir
  10. Bonito e reflexivo, Ana!

    Uma boa semana para você... Abraços

    ResponderExcluir

Obrigada pela sua presença! Por favor, gostaria de ver seu comentário.

REFLEXÃO

Já muito andei sem enxergar, sem ver, O que me fez e me desfez, a fome... "Ana" é o nome que alguém me deu, M...