terça-feira, 15 de julho de 2014

Compreensão




Ando pondo tampões de paz em meus ouvidos
E mordaças de silêncio sobre a minha boca
Para que eu não me perca,
Para que eu não fique louca.

As flores escutam as minhas preces murmuradas,
E as sopram com seu perfume no vento, para o céu...
Caem os véus,
E entendo que a vida, mesmo curta, jamais é pouca.




11 comentários:

  1. Lindo.,Ana!Queremos mesmo paz!! Precisamos!bjs, chica

    ResponderExcluir
  2. Este lance de compreensão é algo estranho ... normalmente é uma via de mão única ... todos pedem e pouco têm ...

    ResponderExcluir
  3. Ana, lindíssima forma de estarmos conosco, em paz, sentir a Vida, é mesmo assim, embora a vida possa nos parecer curta, jamais é pouca!
    Amei ler aqui e aproveito, minha linda amiga, para agradecer o seu carinho sempre lá nos meus espaços, interação é tudo de bom, poder dizer algo e ter quem possa ler!
    Abraços apertados!

    ResponderExcluir
  4. Ana

    A vida é pouca ou muito conforme o ângulo da nossa visão. O que é necessário é estarmos bem com a mesma vida, como este teu bonito poema deixa antever.
    Beijos

    ResponderExcluir
  5. Sábio e muito belo pensamento. A grandeza da vida depende de cada um de nós. Há quem a "maldiga" dizendo que é um fardo insuportável. Há quem peça para deixar de viver antes da hora. Eu... prefiro "bendizê-la", mesmo tendo que conduzir determinadas "bagagens". O amor e a vontade de viver superam as adversidades. Abraços de um "Bom dia"!!!

    ResponderExcluir
  6. Dom lindo, Ana, saber se expressar poeticamente! Eu amo e louvo a Deus pela vida! A vida é linda demais! Obrigada pela sua presença adorável! Beijos!

    ResponderExcluir
  7. Sempre é bom saber que mesmo a vida sendo curta aos nossos
    olhos ela vale cada minuto como uma flor.
    bjs
    http://eueminhasplantinhas.blogspot.com.br/

    ResponderExcluir
  8. Infelizmente, às vezes, para quem fica, a vida foi pouca para quem partiu, deixando-nos num inconsolável mar de saudade.
    Beijo

    ResponderExcluir
  9. Que bonito,Ana! Isso é o que todos queremos: ter compreensão das coisas,aceitar a vida como ela é! Ficou maravilhosa e profunda sua poesia! bjs,

    ResponderExcluir
  10. Lindo, Ana!
    A vida nunca é pouca, mas pra desfrutá-la precisamos mesmo de muita paz.

    Abração e lindo dia.

    ResponderExcluir

Obrigada pela sua presença! Por favor, gostaria de ver seu comentário.

Exageros

    Assisti a um vídeo na internet no qual uma drag queen montada dava palestras em uma escola para crianças que, aparentemente, t...