quinta-feira, 15 de maio de 2014

Não é o Momento de Ficarmos Tristes




Vem, chega mais perto e senta aqui comigo,
Dê-me a tua mão, e vamos contar as nuvens que passam...
Elas levitam e transformam-se em grandes animais,
Depois, desaparecem pouco a pouco, desmanchadas...

Assim é a vida: transformação e movimento,
E somos como as nuvens: passamos sem notar
Num céu ora claro, ora tempestuoso,
Crivado de estrelas que há muito já se apagaram...

-Ilusão! Eis o que debrua o limiar da existência!
Pois o olho só alcança aquilo que ele percebe,
Enquanto outras coisas vão ficando entre mistérios
Que a vista jamais capta, que o pensamento não vê!

Mas não é o momento de ficarmos tristes,
Ainda não, não enquanto passam as nuvens,
Enquanto as formiguinhas, enfileiradas, trabalham,
Enquanto os passarinhos voam de galho em galho...

Escuta: não existe uma canção passando com o vento?
Por dentro da tristeza, brotam sementes de alegria...
E tudo é passageiro, nada permanece,
E mesmo que a saudade nos alcance um dia,
Ainda não é o momento de ficarmos tristes!

Eu sei que pendem dos galhos da árvore da vida, gotas pesadas...
Que um dia, vão cair, acarretando-nos mágoas;
Mas por enquanto, desfrutemos da paz que ainda nos resta,
Pois não sabemos quando será o final da festa.

Ainda não é o momento de ficarmos tristes,
Digamos uma prece pelo que ainda existe...




8 comentários:

  1. Um show!!!Adorei,Ana!!Linda e doce!beijos,chica

    ResponderExcluir
  2. Ana, lindo, lindo, lindo, teu poema. Curti muito. Um abraço. Tenhas um belo dia.

    ResponderExcluir
  3. Ana querida

    Bom a gente ter essa frase como mantra:Ainda não é o momento de ficarmos tristes
    Lembrar dela sempre que os aborrecimentos e a tristeza vem.
    Ainda não é o momento de ficarmos tristes


    bjokas =)

    ResponderExcluir
  4. Ana,vc disse em versos o que penso dessa vida! Uma festa que não sabemos quando acaba,então vamos aproveitar! Ficou maravilhosa! Bela msg! bjs,

    ResponderExcluir
  5. Ana, um belíssimo texto! A frase/chave mestra, para mim, é que tudo é passageiro! Damos demasiada importância a tudo. Bobos!
    Beijo

    ResponderExcluir
  6. Nossa Ana, muito lindo, adorei esta poesia. Parabéns amiga. Isso é a vida!!
    Beijos!!

    ResponderExcluir
  7. Teremos que tentar afastar a tristeza da nossa vida,
    embora ela surja muito vez de surpresa.
    Gostei do seu texto.
    Desejo-lhe um bom fim de semana.
    Bj.
    Irene Alves

    ResponderExcluir

Obrigada pela sua presença! Por favor, gostaria de ver seu comentário.

Exageros

    Assisti a um vídeo na internet no qual uma drag queen montada dava palestras em uma escola para crianças que, aparentemente, t...