quarta-feira, 10 de setembro de 2014

Passagem




Ironia...

Nós olhamos para a vida
Que passa diante dos olhos,
Colorida fantasia,
Mas não a vemos passar...

Apuramos os ouvidos
Destilamos os sentidos
Tentando enxergar o mar,
Mas não prevemos as ondas...

E enfileiramos os dias
Como fazemos com as contas
De um infinito colar,

Sem saber que ele arrebenta,
Sem saber que ele naufraga
Quando menos se esperar...




Imagem: Ana Bailune, editada pelo Google

9 comentários:

  1. Bom dia linda amiga Ana, que belo visual por aqui, sempre com novidade, amei!
    Essa imagem dinâmica é de fazer parar para ver, ver a vida, adoro observar os mínimos detalhes de tudo, quando isso não acontece é por haver algo a me fazer refletir e perceber o que há de errado, rs, pois é, me conheço muito bem, quando sinto inquietação é porque algo não é meu, faço uma leve reflexão e volto rapidinho para mim!
    Abraços linda amiga, amei seu belo poema reflexivo!

    ResponderExcluir
  2. Intensa expressão do que é a vida;;LINDO! bjs, chica

    ResponderExcluir
  3. Quem pode decifrar os grandes mistérios da vida?

    bjokas =)

    ResponderExcluir
  4. Que soneto lindo, onde a realidade transparece a cada verso.
    Ler você faz um bem danado minha amiga... (dias tristes os meus...)
    abraços

    ResponderExcluir
  5. Muito bonito e reflexivo texto... Nossa passagem é rápida e desafiante!
    Abraços...

    ResponderExcluir
  6. Uma verdade que se conhece e que entristece quando refletimos sobre ela. Belo soneto, Ana! Bjs.

    ResponderExcluir
  7. Linda reflexão Ana, sobre esta vida que muitos julgam viver, quando na realidade passam por ela. Muitas vezes cegam os olhos para o que se abre a todo instante em grandeza e pureza. Viver é ter a sensibilidade de sentir o Sol em sua exuberância, o mar em sua grandiosidade com todas suas vidas em harmonia, seria viver estar em sintonia com todas as coisas que brilham e respiram. É viver os mistérios e se encantar com as delicadezas que nos foi ofertadas.
    Muito lindo Ana e a ilustração é fantástica nesta reunião onde há um só objetivo.
    Meu abraço amiga.

    ResponderExcluir

Obrigada pela sua presença! Por favor, gostaria de ver seu comentário.

REFLEXÃO

Já muito andei sem enxergar, sem ver, O que me fez e me desfez, a fome... "Ana" é o nome que alguém me deu, M...