terça-feira, 9 de agosto de 2016

SEMANA AZUL DA ROSÉLIA - ESTÍMULO PARA VIVER








Rosélia, grata pelo convite, e eis a minha participação.


Há momentos em que nos sentimos cansados; poderá ou não haver um motivo óbvio para este cansaço, porque nem sempre conhecemos seus motivos; o cansaço das coisas pode estar em algum fato que nos recusamos a enxergar, pois admiti-lo nos obrigaria a tomar uma atitude para a qual não nos sentimos preparados, como por exemplo, um relacionamento falido, um emprego que já não nos sustenta mais a alma, a casa da qual não gostamos. Porém, enquanto continuarmos a negar o óbvio, tentando socá-lo com força para algum lugar dentro de nós onde ele esteja obscurecido e temporariamente invisível, tal cansaço não desaparecerá, podendo transformar-se em algo bem mais complicado, como uma doença ou depressão.

Precisamos de coragem. É só através de um olhar cuidadoso sobre nós mesmos e nossos motivos, que encontraremos o estímulo necessário para fazer de nossas vidas o que é certo a fim de podermos ser felizes. Alguns precisam de ajuda profissional, ou de uma conversa sincera com alguém a quem respeitem e em quem confiem. O olhar atento da outra pessoa, sob um outro ângulo de visão, pode nos esclarecer pontos que não estamos enxergando. 

Quando eu preciso de estímulo para viver, eu paro e penso nas coisas que eu tenho feito ou ouvido a fim de encontrar os motivos de estar me sentindo desestimulada: será alguma coisa que eu não tenho feito? O que está me desagradando? Será aquele pequeno comentário maldoso que na hora pensamos ignorar, mas que fica martelando dentro da nossa cabeça, até causar uma rachadura profunda na minha autoestima? E se for isso, é porque eu com certeza estou dando a alguém poder sobre mim e sobre meus sentimentos e pensamentos! A única pessoa que deve ser capaz de ter este poder sou eu mesma.

Seja qual for o motivo, o estímulo de que necessitamos raramente durará, mesmo que aqueles que tentem nos motivar tenham tempo e paciência suficientes para tal coisa, pois a motivação duradoura e eficaz que cada um precisa, não vem jamais de fora. Ela só vem de dentro. 
Você já tentou motivar alguém que tem uma visão negativa sobre si próprio? Na hora em que o fazemos, a pessoa se mostra disposta e receptiva, e alguns dias depois, lá vem ela novamente, choramingando, dizendo que quer desistir de tudo e procurando pelo nosso apoio como se fossemos bengalas emocionais! Impossível motivar alguém assim sem que nossas energias sejam constantemente sugadas. 

O estímulo para viver é uma coisa que deve ser cultivada por todos nós, e devemos criar as nossas próprias fontes de estímulo. E existem muitas! Minhas favoritas são: conversar com meu marido, ficar junto da natureza, brincar com meus cães, ler, escrever, escutar boa música, sair para caminhar, assistir a algo interessante na TV, sentar lá fora no jardim e pensar na vida, fazer planos. Espero que você encontre a sua.



5 comentários:

  1. Que linda tua participação e adorei tuas fontes de estímulo, todas bem ao alcance e simples, não é? beijos, chica

    ResponderExcluir
  2. Boa Tarde, querida Ana!
    Gosto de seus questionamentos... são pertinentes pois todos temos causas prováveis ou não para empacarmos no cotidiano...
    A cada dia, novo desafio para ser superado no quesito estímulo...
    Precisamos atentar para as origens dos desestímulos... isso vc o fez com maestria...
    Confesso que ontem estava desestimulada demais ao iniciar a semana com o tema e tudo que li animou-me tremendamente!
    Por aqui, sigo estimulada e feliz...
    Obrigada pelo carinho de sempre...
    Tenha uma nova semana abençoada!
    Até a próxima semana e última do Projeto Está Tudo Azul, se Deus quiser!
    Bjm muito fraterno, azul e festivo

    ResponderExcluir
  3. Olá Ana, muito boa sua reflexão e ilustração de como pode uma pessoa viver nos porões da amargura e de como só ela pode dar o START para assumir um estimulo para a reviver.
    Muito linda sua participação nesta onda azul.
    Parabéns e que nenhum espirito ruim possa ter poderes sobre nós.
    Meu terno abraço amiga.
    Bju

    ResponderExcluir
  4. Você sabe alimentar o estímulo, estando ao lado dos que lhe fazem bem e dedicando-se a atividades que lhe dão prazer. Esse é o caminho que muitos precisam, para ficar de bem com a vida. O cansaço, vez ou outra, nos abraça, mas nos sacudimos e seguimos adiante. Muito boa sua participação!
    Ando distante dos meus espaços (rss). Dei uma parada porque estava ficando estressada. Nossos caminhos costumam pedir uma vírgula... ou um ponto, em certas atividades. Bjs.

    ResponderExcluir

Obrigada pela sua presença! Por favor, gostaria de ver seu comentário.

Exageros

    Assisti a um vídeo na internet no qual uma drag queen montada dava palestras em uma escola para crianças que, aparentemente, t...