quinta-feira, 25 de fevereiro de 2016

Passam as Águas








Sob a ponte passam as águas.
Sobre ela, passam as mágoas.
Sob e sobre, tudo passa,
Passam as águas, passam as mágoas.

Passam as dores e os horrores,
Passa o que nunca mais passava.
Passam amores e rancores,
Passam os barcos e as algas.

Passa o medo de sonhar,
E a noite também passa.
Passa o medo de acordar,
Quando a tristeza  também passa.

Sobre a ponte, sob a ponte,
Passam as almas que se foram
Na mais longa das viagens;
E a saudade, um dia, passa.

Passa o passado em tons  sépia,
Busca um futuro que não passa...
Segura na mão o presente,
Pois que ele também passa.

Sob a ponte, sob os olhos,
Sob os dedos, só não passa
A essência do que fomos
Fica, da vida, a graça.





6 comentários:

  1. Boa noite Ana, Tudo passa, mas sobre ou sob a ponte passa com poesia. Linda inspiração. Muita luz e paz. Um feliz domingo.

    ResponderExcluir
  2. Boa noite Ana, Tudo passa, mas sobre ou sob a ponte passa com poesia. Linda inspiração. Muita luz e paz. Um feliz domingo.

    ResponderExcluir
  3. Passa o tempo, passam as pessoas, passam as dores e também as alegrias. Enquanto isso, também estamos passando pela vida, abraçados a valores e verdades pessoais. Belo, Ana!

    ResponderExcluir
  4. Olá Ana
    E assim vamos vivendo, tudo passa, mas também algumas coisas se repetem, mas vamos superando.
    beijinhos

    http://eueminhasplantinhas.blogspot.com.br/

    ResponderExcluir
  5. Justamente por isso que se crê que a unica coisa que se leva desta vida é justamente a vida que a gente leva, seja sob,sobre a ponte ali na frente dos olhos.
    Cada vez melhor e mais lindo seu poetizar.
    Bjs

    ResponderExcluir

Obrigada pela sua presença! Por favor, gostaria de ver seu comentário.

O que Tem na Sua Playlist? Uma Interação

Inspirada por um comentário de paulo Bratz a um de meus posts, que fala sobre um aparelho de som que comprei na Black Friday,...