sexta-feira, 1 de abril de 2016

TUDO OU NADA










O jardim.
A janela.
Cortinas pretas.
Fechadas.


A marreta.


A garrafa
De vinho
Sobre a mesa,
Uma taça


Quebrada.


É a vida.


É tudo.


Ou nada.





5 comentários:

  1. Tão precisas palavras para descrever o cotidiano de tantas pessoas que vivem neste UNIVERSO.
    Amei!
    Bom dia!

    ResponderExcluir
  2. Tudo ou nada, ai, nem meio termo, é, no fundo é tudo, a vida é tudo, tudo e tudo!
    Gostei!
    Abraços, só se for bem apertados,rsrs!

    ResponderExcluir
  3. Muito bom!
    Parabéns, estou aqui te aplaudindo!!!!!!!!

    ResponderExcluir

Obrigada pela sua presença! Por favor, gostaria de ver seu comentário.

É QUE ÀS VEZES, O ADEUS PESA...

Não, não pude olhar para trás,  Atravessar aquela rua, Ir ao pé da tua janela E me despedir. Não, eu  não pude hes...