quarta-feira, 28 de junho de 2017

Anoitecer Suavemente...





Anoitecer devagarinho,
Suavemente,
Como uma teia de aranha que voa
Pelo ar,
Brilhando sem se notar...

Anoitecer sem pretensões,
À voz do vento,
Ao viajar por entre as cores
Crepusculares...

Anoitecer por toda a vida,
Eternamente,
Trazer por dentro o brilho fosco
Do luar de agosto...





3 comentários:

Obrigada pela sua presença! Por favor, gostaria de ver seu comentário.